O CCAA Se Rebelam Contra A Repartição Do Investimento Público

Os esforços do Governo para aprimorar a tua interlocução com as comunidades, por costurar uma nova política territorial, sofreu ontem um vasto rasgo. As comunidades do PSOE, Espanha e Catalunha criticaram duramente o plano de infra-estruturas pra este ano. Galiza e Castela e Leão mostraram sem rodeios suas dúvidas.

Só Canárias e Madrid se admitiram satisfeitas. O PP, respectivamente, em uma ação sem precedentes, apoiou uma declaração institucional nas Cortes Valencianas, em que se mostra o seu “absoluto repúdio” às contas deste ano. Esta última decisão provocou ontem muito desconforto no PP, o Governo e o Grupo Parlamentar Popular.

Mas em conexão ao incêndio geral, o Executivo não se deu quase por ciente. Enquanto as comunidades clamavam, desde o Governo continuava enfatizando o dinheiro destinado à Catalunha. O ministro de Fomento, Íñigo da Silva, destacou que é a primeira comunidade em volume de investimentos e a segunda, no esforço orçamental.

Esta exibição do tratamento dado à Catalunha, que começou pela semana passada com um ato específico do presidente do Governo, Mariano Rajoy, em Barcelona, tem contribuído essencialmente pra rebelião, segundo confirmam referências famosos. O Executivo soma neste instante o problema para aprovar os Orçamentos, o mal-estar gerado a nível territorial. Ontem Rajoy, selando-as com Coligação Canária o apoio desse partido das contas para 2017, em um feito no Congresso, que descreveu com a presença do presidente canário, Fernando Jorge.

  • Mercado secundário
  • Ghersi, C. Contratos civis e comerciais. Astrea
  • um O reinado de Justiniano 3.1.1 A obra militar de Justiniano
  • Licenciatura em História
  • 1 Teoria do atentado

Esta comunidade consegue 1.Trezentos milhões a começar por diferentes posições. Anteriormente, Rajoy protagonizou o mesmo feito com o presidente da UPN, Javier Esparza, e sem câmeras por meio ganhou pela Câmara, o presidente do Partido Aragonês, Arturo Aliaga.

O suporte de UPN e PAR estava garantido, em razão de disputado as eleições em coligação com o PP, porém Rajoy não tem não mediu nada na sua política de gestos. E o Governo não descarta um ato igual com o Povo.